Esportes Paraolímpicos: Entenda Como Surgiram! - Ei Sports

Esportes paraolímpicos: Entenda como surgiram!

Conheça como e quando surgiram as paraolimpíadas, e suas curiosidades!

Leia Também:

Hoje você verá como surgiram os esportes Paraolímpicos ou Paralímpicos. Além de saber como se iniciaram esses jogos, conhecer sua história e tudo que esse evento proporcionou aos atletas ou até mesmo a inclusão dos mesmos. 

As paraolimpíadas foram um evento que foi criado no mesmo dia em que acontecia a abertura dos jogos olímpicos. E ao contrário do que todos pensam, de início, ela não tinha nenhum vínculo com as olimpíadas.

Os esportes paraolímpicos ou paraolímpicos são uma versão modificada dos jogos olímpicos tradicionais em que atletas de elite com várias deficiências físicas ou mentais competem em vários esportes. 

São olímpiadas de forma bem clara como o tradicional. Porém, com esportes adaptados. Normalmente, a competição começa imediatamente após o término dos jogos olímpicos no mesmo local. Os esportes paraolímpicos são muito importantes para melhorar a autoestima e a autoconfiança dos atletas. Além de melhorar sua saúde, sua condição cardiovascular, força, coordenação motora, equilíbrio e agilidade melhorarão.

O surgimento dos esportes paraolímpicos

A primeira paraolimpíada foi sediada em Roma no ano de 1960. E contou com a participação de 400 atletas e mais de 23 delegações. Para portadores de deficiência física o esporte adaptado só teve início oficialmente após a Segunda Guerra Mundial. 

Quando muitos soldados voltaram para casa mutilados. O surgimento dos esportes paraolímpicos então, cedeu através da vontade de superação de ex-combatentes veteranos de guerra que buscavam através do esporte, um estímulo para se reabilitar e demonstrar a sua força.

As primeiras modalidades dessa competição surgiram na Inglaterra nos Estados Unidos. Nos Estados Unidos surgiram as primeiras competições de basquete em cadeira de rodas, atletismo e natação. 

Já na Inglaterra, o neurologista e neurocirurgião alemão, Ludwig Guttmann, que é para muitos considerado como o pai da paraolimpíada, era responsável por cuidar de pacientes que eram vítimas de lesão medular ou de amputações de membros inferiores. 

Ele teve a iniciativa de fazer com que eles praticassem esportes dentro do hospital. Em 1948, Ludwig Guttmann, aproveitou o décimo sexto jogos olímpicos de verão, para criar os novos esportivos de Stoke Mandeville, onde apenas 14 homens e duas mulheres participaram.

A propagação dos esportes paraolímpicos ao longo dos anos

Esportes paraolímpicos: entenda como surgiram!
Paraolipíadas 1960

Esses jogos aconteceram exatamente no dia das aberturas dos jogos de Londres para poder chamar a atenção do evento. Já em 1952, os jogos de Mendeville ganharam projeção, contando com a participação de 130 atletas portadores de deficiências, tornando-se uma competição anual. 

E em 1958 quando a Itália se preparava para sediar os próximos jogos olímpicos, Antônio Maglia, diretor do Centro de Lesionados Medulares de Ostia, propôs que os jogos de Mendeville do ano de 1960 se realizassem em Roma após as Olimpíadas. E a partir daí, começaram os esportes paralímpicos ou os jogos paralímpicos se assim preferir.

Com o sucesso dos jogos paraolímpicos, o esporte fortaleceu e foi fundada a Federação Mundial de Veteranos. A fim de discutir regras e normas técnicas. Ao longo dos anos a competição cresceu bastante. 

Os atletas portadores de deficiência física, são classificados, comumente, em cada modalidade esportiva, através do sistema de classificação funcional. O objetivo é garantir que a conquista de uma medalha do atleta seja fruto do seu treinamento, experiência e motivação, e não devido às vantagens obtidas pelo tipo ou nível de sua deficiência. 

Existem algumas modalidades que foram especificamente criadas para a participação de deficientes. O exemplo dela são o Goalball e o Halterofilismo. Pois em geral, as adaptações de modalidades convencionais para atletas com deficiências físicas são mínimas. 

Já o Brasil, o primeiro ano de participação brasileira foi 1972 na então Alemanha ocidental. E em 2004 em Atenas o Brasil competiu em 13 das 19 modalidades esportivas disputadas e obteve o 14º lugar com 12 medalhas de ouro, 12 de prata e sete de bronze, totalizando 33 medalhas. O crescimento dos esportes paraolímpicos, teve uma explicação simples, o financiamento, o Brasil levou a maior delegação para competir em Atenas com 98 atletas, sendo, 77 homens e 21 mulheres.

A importância dos esportes paraolímpicos

O principal objetivo desses esportes é promover a inclusão social de pessoas com deficiência, elevando-as à condição de atletas, ou seja, a atenção é dada apenas ao desempenho de um atleta em uma competição, independentemente de sua composição genética ou de qualquer deficiência que possa ter. 

Nesse sentido, a inclusão dá às pessoas a chance de levar uma vida produtiva, mostrando seu potencial profissional e capacidade de contribuir para a sociedade. O movimento paraolímpico capta a atenção do mundo inteiro e desperta sentimentos de força, resistência, esperança e perseverança em participantes e espectadores. 

E se alguém acredita que não existe o mesmo nível de competição, está redondamente enganado. As competições da modalidade Paraolímpica são emocionantes de assistir e tem emoção até um último segundo.

Quais as modalidades dos esportes paraolímpicos

Esportes paraolímpicos: entenda como surgiram!
Modalidades paraolímpicas – basquete em cadeira de rodas

De modo geral as modalidades dos esportes paralímpicos são divididos entre modalidades individuais e as coletivas além dos esportes de inverno. Veja a seguir quais são eles.

Dentro das modalidades de esportes paralímpicos individuais temos: esgrima em cadeira de rodas, atletismo, judô, natação tênis de mesa, bocha, ciclismo, hipismo, paracanoagem, tênis em cadeira de rodas, tiro esportivo triatlo, parataekwondo, remo e halterofilismo.

Dentro das modalidades coletivas temos o vôlei sentado, basquete em cadeira de rodas, goalball, vela, futebol de 5 e futebol de 7. Já nas de inverno temos o esqui alpino, curling em cadeiras de rodas, hóquei no gelo, snowboard, esqui cross country e biatlo.

E esse é um pequeno resumo da história dos esportes paraolímpicos. Se você gosta de esportes, principalmente de futebol, veja Quem foram os artilheiros da Copa. Além de muitas curiosidades a respeito. E se você gostaria de saber mais a respeito dos esportes paraolímpicos veja este pequeno vídeo a seguir.

Estudante de Ciências Biológicas, mas, completamente apaixonado em games, animes e tudo relacionado a tecnologia. Escrevo aqui para o Ei Sports e outros sites do Grupo SED.

Artigos Relacionados

Alimentos que rejuvenescem a pele, torne-se uma pessoa mais jovem!

A busca por uma aparência mais jovem e saudável não se resume apenas aos tratamentos estéticos. Na verdade, a alimentação desempenha um papel extremamente importante nessa jornada de rejuvenescimento e de saúde. Diversos alimentos ...

Você continuará no nosso site

Conheça as 7 Jogadoras Mais Bem Pagas do Futebol

Hoje iremos citar para você o nome das 7 jogadoras mais bem pagas do Futebol feminino e também quanto cada uma delas recebe. E já vou logo lhe adiantando que os valores que uma ...

Você continuará no nosso site

Conheça os diferentes biotipos corporais

Entender o nosso corpo é essencial para manter uma vida saudável e equilibrada. Os biotipos corporais são uma característica genética que influencia a forma como nosso corpo armazena gordura, ganha e perde peso, e ...

Você continuará no nosso site